• Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
O tesoureiro da música online PDF Imprimir E-mail

 

O tesoureiro da música onlineEm 1997, quando Richard Gottehrer e Scott Cohen fundaram The Orchard (O Pomar), internet era coisa de nerd e Cohen foi muito ridicularizado por seus sermões sobre o futuro digital da indústria da música. Hoje em dia, dá pra imaginar essa cena???
Claro que na época o download de apenas uma música podia durar algumas horas! (quem não passou por isso?) Mas apenas 6 anos depois, em 2003, quando a Apple lançou a loja iTunes, tudo mudou para The Orchard, que se viu diante do intermediário perfeito para vender suas músicas. Na europa a idéia de comprar uma música on-line e pagar por ela apenas 99 centavos soa bem melhor que comprar um CD inteiro por gostar de poucas músicas, ou ainda, baixar clandestinamente da internet e correr o risco de ser levado pra cadeia. Então: BINGO!
Todas as vezes em que alguém compra uma música na Internet, a The Orchard provavelmente está ganhando com isso. Hoje a multinacional é considerada a "tesoureira"
da música on-line e só no ano passado fez quase 63 milhões de dólares em vendas. Ela é a pioneira no mercado mundial de distribuição de música digital. A cada música paga que se baixa, da loja iTunes, por exemplo, o artista e sua gravadora recebem apenas 30 a 40 por cento. O restante vai para The Orchard.
Claro que até isso acontecer muitas águas rolaram para Richard Gottehrer (produtor e compositor) e Scott Cohen (empresário de artistas). Segundo este, a idéia nasceu do mais profundo desespero, pois os dois que possuíam também uma gravadora própria desde 1995, se viram várias vezes de frente com a falência. A gravadora não conseguiu fazer com que suas bandas tocassem no Rádio, ou tivessem seus CDs vendidos em grandes lojas do ramo. E no desespero eles "contrataram" alguns estagiários para rastearem os fás de música na internet e enviar-lhes emails. Na época a banda de rock/metal foi pelos internautas muito elogiada e a operação foi um grande sucesso. Sorte deles, o termo SPAM ainda não havia sido inventado e as pessoas, ainda descobrindo a rede, ficavam felizes em receber emails!
Cohne, um jovem profissional de 45 anos de idade, com brincos, cabeça raspada e jeans, sentado à mesa de seu escritório em Londres. Em 2003 vendeu as ações de sua empresa e agora é um feliz milionário, que ainda luta pela sua idéia, fazendo negociações ao redor do mundo
fotolia_21759049_xsEm 1997, quando Richard Gottehrer e Scott Cohen fundaram a companhia de distribuição digital The Orchard (O Pomar), internet era coisa de nerd e Cohen foi muito ridicularizado por seus sermões sobre o futuro digital da indústria da música. Hoje em dia, dá pra imaginar essa cena???

Claro que na época o download de apenas uma música podia durar algumas horas (quem não passou por isso?) e muita gente não podia ver "futuro" nisso. Mas apenas 6 anos depois, em 2003, quando a Apple lançou a loja iTunes, tudo mudou para The Orchard, que se viu diante do intermediário perfeito para vender suas músicas. Na europa a idéia de comprar uma música online e pagar por ela apenas 99 centavos soa bem melhor que comprar um CD inteiro por gostar de poucas músicas, ou ainda, baixar clandestinamente da internet e correr o risco de ser levado pra cadeia. Então: BINGO! 

Quando alguém compra uma música na Internet, a The Orchard provavelmente está ganhando com isso. Hoje a multinacional é considerada a "tesoureira" da música online e só no ano passado fez quase 63 milhões de dólares em vendas. A cada música paga que se baixa, da loja iTunes, por exemplo, o artista e sua gravadora recebem apenas 30 a 40 por cento. O restante vai para The Orchard.

Claro que até isso acontecer muitas águas rolaram para Richard Gottehrer (produtor e compositor) e Scott Cohen (empresário de artistas). Segundo este, a idéia nasceu do mais profundo desespero, já que a gravadora que fundaram juntos não conseguiu fazer com que suas bandas tocassem no Rádio, ou tivessem seus CDs vendidos em grandes lojas do ramo. E no desespero eles contrataram alguns estagiários para rastrearem os fás de música na internet, e enviar-lhes e-mails, fazendo propaganda da banda de rock/metal Godhead. Todas as pessoas responderam aos emails, sem excessão, a banda foi pelos internautas muito elogiada e a operação foi um grande sucesso. Sorte deles, o termo SPAM ainda não havia sido inventado e as pessoas, ainda descobrindo a rede, ficavam felizes em receber e-mails! (risos) Encorajados por esse sucesso, eles fundaram The Orchard.

Visionário e pioneiro no mercado mundial de distribuição de música digital, Cohen é um jovem profissional de 45 anos de idade, com brincos, cabeça raspada e jeans, que vendeu em 2003 as ações de sua empresa, tornando-se um feliz milionário. Mas que ainda luta pela sua idéia, fazendo negociações para os artistas e a The Orchard ao redor do mundo. História inspiradora, não? Mas do outro lado do "Caixa" será que a cultura brasileira já se permite pagar por uma música em vez de baixá-la grátis? Gostaria de saber sua opinião. Deixe seu comentário.

Até a próxima,

_
Gostou? Tweet este artigo!  
   
 

Comentários  

 
0 # Alessandra 03-09-2010 13:54
Cara, a idéia realmente revolucionou, e aagente fica aqui sem seaber de nada. Traga sempre essas notícias pra gente! Muito bom!
Responder | Responder com citação | Citar | Reportar ao administrador
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

 

Demonstrativos

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player

Powered by RS Web Solutions

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player

Powered by RS Web Solutions

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player

Powered by RS Web Solutions

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player

Powered by RS Web Solutions